Cheiros & Aromas! Partilha os teus "cheirinhos"...

15
Mar 09

 

Águas florais são largamente utilizadas em banhos aromáticos pelo perfume suave, leve, contagiante e calmante. Também em ofurôs, compressas faciais, mistura em perfumes naturais e casas de massagens.
As Águas Florais ou os hidrolatos são as águas do resultado da destilação de óleos essenciais. No processo de destilação das plantas aromáticas o vapor liberta as pequenas bolsas das suas células onde se encontram os óleos essenciais e as moléculas de óleos essenciais separam-se do vapor. No final, os óleos essenciais estarão à superfície da água, pois são insolúveis, porém, as partículas de óleo impregnaram a água, pelo que esta se transforma em água floral.
Trata-se de um produto muito apreciado para perfumar o ambiente, limpar e tonificar a pele, que contém alguns elementos solúveis na água, não presentes nos óleos essenciais. Em suma, podemos dizer que os hidrolatos têm, no geral, as mesmas propriedades que os óleos essenciais, mas em reduzidas concentrações. Fonte: copper-alembic.com
Água de Rosas: suaviza a pele
Água de Camomila: acalma e suaviza a pele. Ideal para pele irritada e olheiras.
Água de Alfazema: tonifica a pele. Excelentes resultados quando aplicada após exposição solar, em virtude dos seus efeitos calmante e cicatrizante.
Água de Alecrim: estimula e regenera a pele
Água de Sândalo: aconselhável para todos os tipos de pele.
publicado por Marina às 16:37
tags:

Mais do que revelar a personalidade de uma pessoa, o perfume influencia o estado de espírito de todos nós. Ao penetrarem pelas narinas, os aromas encontram o sistema límbico, responsável pela memória, sentimentos e emoções. Quando uma mensagem aromática penetra neste sistema, provoca sensações de euforia, relaxamento, sedação ou estimulações neuroquímicas.
Antigamente, o sistema límbico era chamado de cérebro das emoções. Quando estamos muito tensos e nervosos, um aroma de lavanda é capaz de nos relaxar e nos induzir ao sono, ajudando em casos de insónia. Quando estamos apáticos, deprimidos, infelizes, o aroma de bergamota pode ajudar na recuperação. Aromas de  limão, vetiver, eucalipto e alecrim melhoram a concentração, enquanto os de alecrim aliviam o cansaço.

publicado por Marina às 16:29
sinto-me:

13
Mar 09

 

Idade Antiga
Dá-se o surgimento da primeira fórmula conhecida de perfume, e isso ocorreu devido a Deus que dá a missão a Moséis de produzir um incenso perfumado, isso pode ser constatado numa passagem bíblica.
 
Idade Média
Os árabes começaram a produzir perfumes para uso pessoal e medicinal. O perfume chega à Europa, no século XII com as cruzadas. No ano de 1370,  surge o primeiro perfume elaborado com alcool, produzido especialmente para a rainha Elizabeth, da Hungria.
 
Idade Moderna
Em 1600 dá-se o surgimento dos primeiros perfumes europeus, eram sinónimos de nobreza, pois somente os reis, as rainhas e os membros da corte poderiam usar.
 
Idade Contemporânea
A perfumaria desenvolve-se, e o perfume deixa de ser exclusividade de poucos, ou seja, a classe média passa a ter acesso a esse produto. 
publicado por Marina às 12:06
sinto-me:
tags:

Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
14

19
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


subscrever feeds
arquivos
2009

pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO